Complementar a formação em engenharia ou adquirir experiência? – AltoQi LAB

Complementar a formação em engenharia ou adquirir experiência?

Conheça a solução ideal para o problema mais comum entre os engenheiros recém-formados, o AltoQi Lab

Terminar a faculdade e entrar de cabeça no mundo do trabalho é a idealização da maioria dos estudantes de engenharia civil. Infelizmente, nem sempre a realidade é muito agradável.
É comum esperar que, tendo um diploma de engenharia em mãos, automaticamente teremos uma excelente remuneração e realização profissional. Certamente esses objetivos são alcançáveis, mas são raras as vezes que eles fazem parte da realidade de um recém-formado.

O dilema da necessidade de experiência no início da carreira

É importante pontuar que para ser influente no mercado de projetos e alcançar os objetivos almejados, será necessário construir uma carreira. Esse é o momento em que os desafios aparecem e é preciso encarar obstáculos.

Você já deve ter visto essa piada na internet e provavelmente se identificou com a situação, não é mesmo? Sabemos que não é exatamente como na imagem, mas constantemente as pessoas relatam estar nessa situação: “para conseguir um emprego é necessário ter experiência, mas para adquirir experiência é necessário ter um emprego”. Não se preocupe, a sensação de estar nessa encruzilhada é tão clichê quanto o meme.

Como contornar esse obstáculo?

Tudo começa quando você ainda está na graduação. Não podemos negar que fazer estágios – e quanto mais, melhor – te dará uma grande vantagem no início de sua carreira. São os estágios que proporcionam as suas primeiras experiências práticas.
O problema é que uma vez formado, não existe mais a opção de buscar por estágios, sendo assim, o normal é recorrer ao que parece ser a única opção: fazer uma pós-graduação. Não há argumentos para contrariar essa escolha, de fato é uma excelente alternativa para complementar a formação acadêmica. Entretanto, deve-se tomar cuidado para não focar apenas na teoria e deixar a prática de lado.

É na prática que identificamos as nossas dificuldades

O principal erro cometido por engenheiros recém-formados, é sair da graduação e mergulhar novamente apenas em conteúdo técnico, sem incorporar a prática de elaboração de projetos ao seu cotidiano.
A prática nem sempre é exatamente como a teoria, sendo que é só quando estamos de fato projetando, que identificamos as nossas dificuldades mais pontualmente. Por isso, o ideal é fazer uma pós-graduação em paralelo a trabalhar com elaboração de projetos.

Busque por uma capacitação que alia teoria e prática

Infelizmente, nem todo mundo já tem uma vaga de emprego ou se sente seguro para elaborar projetos de forma autônoma. Considerando isso, o engenheiro recém-formado deve buscar por uma alternativa para complementar o conhecimento da graduação ao mesmo tempo que possa aplicar esse conhecimento adquirido. Não podemos esquecer também que um engenheiro jamais deve parar de estudar, buscando aprimoramento constante.
Não seria ótimo se você pudesse ter acesso a um treinamento que aliasse conteúdo técnico e prática de projeto? Você pode!

Formação de especialistas em projetos de edificações

Recentemente a AltoQi e a QiSat lançaram uma nova modalidade de capacitação profissional, o AltoQi Lab. Denominado como um “programa para formação de especialistas em projetos de edificações”, o AltoQi Lab tem o objetivo de conceder aos engenheiros não só o conhecimento, mas também experiência necessária para entrar no mercado de trabalho ou alavancar a sua carreira.

Como o AltoQi Lab alia teoria e prática?

Por ser desenvolvido pela da AltoQi e QiSat, foi fácil combinar essas duas etapas do aprendizado. Isso porque, a AltoQi desenvolve software para projetos de edificações, sendo líder no mercado brasileiro. Já a QiSat é a escola de engenharia oficial da AltoQi. Veja os seis principais diferenciais que você encontra no AltoQi Lab.

  1. Conhecimento técnico
    Os conteúdos oferecidos são desenvolvidos por engenheiros renomados, todos com vasta experiência prática no mercado de projetos.
  2. Uso de software especializado
    Além do acesso ao conteúdo, os alunos do AltoQi lab também ganham uma licença de um software AltoQi, seja para projetos estruturais ou de instalações.
  3. Rotina prática de projetos
    É essa característica que alia o conhecimento técnico à prática. Os alunos do programa de formação desenvolvem uma rotina de projetos, um passo a passo para elaborar projetos de maneira correta e otimizada.
  4. Acompanhamento da evolução do aluno
    Estudar online pode ser uma tarefa um pouco difícil. Por isso é feito um acompanhamento para garantir que a experiência de aprendizado seja a mais proveitosa possível, buscando sempre identificar as dificuldades e encontrar uma solução.
  5. Orientação técnica com especialistas
    Quando temos uma dúvida, a melhor maneira é recorrer a alguém que tenha experiência e possa te ajudar com prontidão e exatidão.
  6. Criação de um portfólio
    Ao final do programa, os alunos desenvolvem um projeto, que é avaliado pela equipe da AltoQi. Independente de ser um projeto de um cliente real ou uma simulação, pode ser o início da criação de um portfólio para adicionar ao seu currículo.

Agora, você já sabe que existe um caminho pelo qual você irá obter conhecimento e experiência necessários para atuar em projetos de edificações de forma segura. Que tal conhecer um pouco mais sobre o AltoQi Lab? Transforme-se em um profissional referência em projetos, capaz de entregar excelentes soluções aos seus clientes!

 

Por Adriano Pacheco, 22 de outubro de 2018.